O que te levou a participar no programa Young VolunTeam?

Trata-se de um projeto que se centra em realizar ações solidárias no terreno, fazendo a diferença. Decidi participar porque sinto que é importante sermos cidadãos ativos e participativos, contribuindo para um mundo melhor. Por outro lado, pude desenvolver competências importantes.

Recentemente, a vossa escola foi distinguida como uma das três melhores, a nível nacional, dentro deste projeto? O que é que significa para ti esta vitória?

Esta distinção mostra que estamos a fazer um bom trabalho. Recebemos um prémio de 1000€, ainda que o prémio mais importante seja a diferença que estamos a fazer na vida das pessoas, nomeadamente em questões como ambiente, direito dos animais ou direitos humanos.

És estudante do curso profissional de Técnico de Turismo. De que forma é que o teu curso te auxilia no trabalho de voluntariado?

Há coisas que aprendi no curso que me ajudam a trabalhar no Young VolunTeam. Nomeadamente, a nível da comunicação: ajuda-me a interagir com outras pessoas, a explicar os objetivos das ações, por exemplo. Por outro lado, outras competências mais técnicas, como organização de eventos, são muito relevantes no trabalho do projeto. Sinto que estou num curso inovador, com muitas saídas e oportunidades. Estou a pensar cruzar os estudos com a vertente social, trabalhando em turismo ambiental, no futuro.