21 885 47 30 | geral@forum.pt

Todos sabemos que vivemos num tempo inconstante, um tempo marcado por uma palavra, infelizmente, muito comum nestes dias: a crise.

Existem variadas coisas a que estamos habituados, que fazem parte do que nos é natural como o andar na escola, o seguir para a faculdade, tirar a carta aos 18, etc.
Mas vamos pensar no que está mais próximo e banal como pegar no telemóvel e ligar para o nosso melhor amigo, ou chegar a casa e ir ao computador ver o facebook. Isto são hábitos cada vez mais comuns porque a tecnologia tornou-se parte da nossa vida. Nas próprias escolas é pedido que se use o famoso moodle para apontamentos ou mesmo para ter acesso à matriz para o teste.
Mas a questão aqui é: será que este hábito vai ter futuro?
Segundo alguns testemunhos reuni dois tipos de respostas:

Sim, segundo os mais jovens o acesso ás tecnologias será sempre possivel. A pesar da opinião ser a mesma as justificações não são uniformes. Alguns jovens defendem que em relação à tecnologia poucos olham á crise, outros defendem que a tecnologia pode contribuir para a poupança, como exemplo: trabalhar em casa torna possivel cortar nos transportes, por fim, outros defendem que a tecnologia é tão indispensável que mesmo de forma limitada vai poder ser usada até a crise ser ultrapassada.

Não, na opinião, maioritariamente dos mais velhos e ainda que haja da mesma faixa etária opiniões contrárias, vamos voltar todos atrás no tempo. Regressar ao campo para produzir alimentos, regressar aos tempos dificeis que sempre nos foram narrados. Logo, obviamente, o acesso ás tecnologias terá um fim.

Pub Lisboa Games Week
Pub Study Abroad Portugal
Pub Megafinalistas
Últimas - Tecnologia
Tecnologia
17 Outubro 2019

O novo teclado ótico para portátil presente no Razer Blade 15 dá aos jogadores uma vantagem incrível com atuação super-rápida.

Tecnologia
08 Outubro 2019

A Kaspersky Academy promove uma competição internacional que desafia estudantes de todo o mundo a desenvolverem novas ideias na área da cibersegurança. Inscrições até 25 de outubro.

Tecnologia
27 Setembro 2019

A Associação Portuguesa de Apoio à Vítima (APAV) lançou esta semana uma campanha de divulgação da Linha Internet Segura (LIS). O gestor operacional da LIS, Ricardo Estrela, explica em que situações este serviço pode ser útil e revela quais os fenómenos que se registam com maior frequência, no caso dos jovens.